POR

Seminário discute como rota bioceânica pode modificar a dinâmica urbana do Pantanal

18/11/2019
Foto: Flickr Pantanal Brasil

Maior planície de inundação do planeta, com mais de 138 mil quilômetros quadrados nos estados brasileiros do Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, estendendo-se ainda por outros quase 100 mil quilômetros quadrados na Bolívia e no Paraguai, o Pantanal enfrenta os mais diversos desafios com a intensificação do processo de urbanização.

Para debater o desenvolvimento da região e apontar soluções, a União Internacional dos Arquitetos (UIA) e o Instituto dos Arquitetos do Brasil – Departamento do Mato Grosso do Sul (IAB-MS) promovem, nos dias 21 e 22 de novembro, em Campo Grande, o seminário O Pantanal Sul-Americano – diretrizes arquitetônicas e urbanísticas para a região pantaneira – Brasil, Bolívia e Paraguai. O evento é preparatório para o 27º Congresso Mundial de Arquitetos, o UIA2020RIO, que ocorrerá em julho do próximo ano no Rio de Janeiro.

Um dos temas a serem abordados no seminário é a construção da ponte sobre o Rio Paraguai, ligando o município de Porto Murtinho, no Mato Grosso do Sul, à Carmelo Peralta, cidade paraguaia. Esse é o projeto que viabilizará a Rota da Integração Latino-Americana, que, passando pelo Paraguai e pela Argentina, conectará o Brasil aos portos chilenos no Pacifico.

- A previsão é de que a região de Porto Murtinho se transforme em um grande centro de importação e exportação - comenta Carlos Lucas Mali, vice-presidente nacional do IAB e organizador do Seminário, acrescentando que três novos terminais portuários estão sendo planejados para a região.

Em um prazo de até quatro anos, Porto Murtinho poderá receber um fluxo de 700 caminhões por dia:
- O impacto da rota bioceânica é muito grande e as discussões permeiam a legislação de cada um dos países envolvidos - destaca Mali.

O seminário contará com a participação das arquitetas Rim Safar Sakal (Conselho da UIA pelas Américas e Colegio de Arquitectos de Bolivia), Maria Luz Cubilla, (presidente da Associación Paraguaya de Arquitectos) e Lenise Viegas Conti (natural de Corumbá - MS).

O arquiteto Sérgio Magalhães, presidente do Comitê Executivo do Congresso Mundial de Arquitetos, fará a abertura do seminário, apresentando tudo sobre a próxima edição do maior evento da arquitetura no mundo.

- O Congresso Mundial de Arquitetos é uma oportunidade única para aprofundarmos o debate sobre a construção de um mundo mais equilibrado do ponto vista social e ambiental, com a mitigação de impactos e a superação de desafios impostos pela urbanização - diz Sérgio.

Sobre o seminário:

O Pantanal Sul-Americano – diretrizes arquitetônicas e urbanísticas para a região pantaneira – Brasil, Bolívia e Paraguai
Dias: 21 e 22 de novembro
Local: Auditório Jorge Elias Zahran – Avenida Mato Grosso, 1661, Campo Grande, MS
Mais informações e inscrições: www.iabms.org.br

IAB-MS

UIA2020RIO

Com o tema “Todos os mundos. Um só mundo. Arquitetura 21” e expectativa de público de 20 mil profissionais da área, o 27º Congresso Mundial de Arquitetos vai transformar o Rio no epicentro do debate sobre o futuro das cidades do mundo. Promovido pela União Internacional de Arquitetos (UIA) e com a organização do Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB), o evento convida especialistas e entusiastas de cidades mais dinâmicas, justas e sustentáveis a debater soluções entre os dias 19 e 23 de julho de 2020. O Congresso conta ainda com eventos preparatórios e paralelos, como exposições, seminários e workshops, que acontecem por todo o país.

As inscrições para o UIA2020RIO estão abertas com desconto de primeiro lote prorrogado até o dia 19 de novembro.

RIO CAPITAL MUNDIAL DA ARQUITETURA

O Rio de Janeiro é a primeira Capital Mundial da Arquitetura, título inédito conquistado pela Prefeitura do Rio e pelo Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB) e concedido pela Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (Unesco) e pela União Internacional dos Arquitetos (UIA). Ao longo de todo o ano de 2020, a cidade sediará uma série de eventos, entre eles o 27º Congresso Mundial de Arquitetos, o Fórum Mundial de Cidades, exposições e concursos públicos. Além de mostrar para o mundo a riqueza arquitetônica do Rio, esta titulação é também uma oportunidade de reflexão sobre o futuro, de planejar o que se quer para as cidades de todo o mundo.



Realização

Promoção

Parceiros Institucionais

Apoio Institucional

Parceiro em Artigos & Projetos

Agência de Viagens

Expo

Produção

Secretaria Executiva